Início | Videos | Exposição Exceção esteve em cartaz na Casa do Lago em setembro

Exposição Exceção esteve em cartaz na Casa do Lago em setembro

Lá se vão 70 anos da Declaração Universal de Direitos Humanos e 30 da aprovação da Constituição Federal Brasileira (22 de setembro de 1988), mas a arte ainda precisa chamar atenção para o estado de “Exceção”. Com este nome, a exposição que esteve em cartaz no mês de setembro, no Espaço Cultural Casa do Lago, órgão da Diretoria de Cultura (DCult) da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PRoeC), abriu caminhos para a reflexão sobre a suspensão normativa de direitos básicos do ser humano. Por meio da arte, o estado de exceção foi abordado desde o regime militar até os tempos atuais, em que o governo é capaz de passar por cima de sua própria legislação em situações cotidianas nas quais cidadãos são coagidos tanto pelo crime organizado quanto pelo aparato repressor do Estado. Foram expostas obras assinadas pelos artistas Carmela Gross, Dora Lobo Bahia, Maurício Nogueira Lima, Claudio Tozzi e Fábio Morais.